0
|

Para qualquer designer gráfico, entrar no National Print Museum em Dublin é como se tornar um viajante do tempo. Instalada na antiga capela da Beggars Bush Barracks — o primeiro quartel a ser entregue ao Exército Republicano Irlandês quando da independência da Grã-Bretanha — a coleção do museu consiste em equipamentos de impressão tipográfica totalmente operacionais, exibidos e organizados como uma gráfica tradicional da década de 1960. Aberto em 1996 por integrantes da indústria gráfica e mantido com fundos do Programa de Estudos Culturais e Patrimoniais, o museu é o único deste tipo na Irlanda. A entrada para o museu é gratuita, mas são aceitas doações.

O National Print Museum possui uma coleção de mais de 10.000 objetos que compreende máquinas e blocos de impressão, linotipos, tipos móveis de metal e madeira, centenas de fotografias e diversos tipo de publicações e impressos — incluindo um exemplar da declaração de independência de 1916 — além de uma vasta biblioteca sobre o assunto. Devido a limites de espaço, apenas cerca de 30% do acervo do museu está exposto.

O conselho de impressores e compositores aposentados que fundou o museu desempenha um papel vital na preservação e operação do maquinário e dos tipos de metal e madeira — que são utilizados em cursos, workshops e em demonstrações realizadas durante as visitas guiadas. Mesmo não participando destes, os visitantes podem assistir ao funcionamento dos equipamentos e dos processos de composição através de tablets com fones de ouvido instalados próximo aos itens expostos. Muitos deste vídeos estão disponíveis no site do museu.

Além desta bela exposição permanente, o museu promove no mezanino da antiga capela mostras temporárias de impressos dos mais diversos tipos (trocadilho intencional), como revistas, cartazes, capas de disco e trabalhos experimentais. Atualmente, a mostra TO THE MOON, dedicada ao cinquentenário da primeira viagem à Lua, apresenta reproduções das primeiras páginas de jornais irlandeses que noticiaram o histórico fato e ilustrações originais, produzidas em letterpress, de alunos do National College of Art and Design.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Investir em design vale à pena?

Essa é uma importante questão. Espero que o texto abaixo possa ajudar na compreensão da…

Eduardo Meneses
Eduardo Meneses

Convocação Assembléia Geral

ADEGRAF – Associação dos Designers Gráficos DF, em virtude da reapresentação do PL que regulamenta…

adegraf
adegraf

Debates Design 2019

A ADEGRAF fechou uma nova parceria com o Centro Universitário do Distrito Federal – UDF….

adegraf
adegraf